22 de maio de 2008

O impossível carinho

Escuta, eu não quero contar-te o meu desejo
Quero apenas contar-te a minha ternura
Ah se em troca de tanta felicidade que me dás
Eu te pudesse repor
- Eu soubesse repor -
No coração despedaçado
As mais puras alegrias de tua infância !
_______________________________________________
Comentei com Lu, que eu me lembre, mas tá ai, meu poeminha favorito do Bandeira.
Dá de presente pra quem tu gosta - ao menos eu ia amar ganhar - ou pra quem sofre.
=*

3 comentários:

e o que você tem a dizer????